Sorocaba, Novos radares começaram a funcionar hoje

Radar SorocabaA Urbes – Trânsito e Transportes iniciou hoje a operação dos novos radares instalados em Sorocaba. Foram incluídos mais 30 pontos de fiscalização e 20 radares no sistema que, até ontem, contava com 130 locais e 50 aparelhos. Agora, serão ao todo 70 radares que funcionarão em rodízio nos 160 pontos. A previsão de início da operação era para 1º de fevereiro, mas as placas de sinalização, informando a velocidade máxima próximo aos postes, ainda não haviam sido instaladas, conforme determina a legislação de trânsito, inviabilizando a fiscalização eletrônica. Esse período provocou susto em muitos motoristas que, ao perceberem os postes, reduziam bruscamente a velocidade dos veículos.
De acordo com o artigo 7º da Resolução 396/2011, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), as placas regulamentadoras de velocidade conhecidas como R-19 devem ficar a uma distância de 100 a 300 metros em vias urbanas, desde que a velocidade nelas não seja superior a 80 km/h. Caso que não existe em Sorocaba. Mas, se houvesse, vale ressaltar que as placas devem estar posicionadas entre 400 e 500 metros, a fim de alertar o motorista sobre a velocidade máxima na via.
Segundo o presidente da Urbes, engenheiro Renato Gianolla, nesta primeira quinzena de fevereiro, os técnicos da Urbes fizeram a instalação das placas regulamentadoras de velocidade para todos os novos postes, dentro do que determina a resolução do Contran. As velocidades permitidas variam de acordo com a via, entre 50 km/h e 70 km/h (veja o quadro).
Pela legislação, não é mais necessário indicar nas cores amarelas, por exemplo, a localização dos postes que, entretanto, devem estar à vista. Gianolla lembra que os radares não têm caráter educativo e sim fiscalizador, por isso não há a necessidade de pintar as estruturas: “Basta o condutor circular com o veículo dentro dos limites de velocidade que não terá problemas com o radar”, orienta. Até 2012, os postes eram pintados de amarelo para indicar ao condutor a existência do ponto medidor de velocidade, cumprindo determinação de lei municipal sancionada em 29 de junho de 2006, de autoria do ex-vereador Paulo Francisco Mendes (PSDB). Mas a lei foi revogada.
Naquele mesmo ano, uma nova proposta do vereador Francisco Moko Yabiku (PSDB) foi transformada em lei e está em vigor até hoje. Em respeito a esta lei, uma relação com os locais onde estão instalados os postes de radar é mantida no site da Urbes e na Imprensa Oficial. Apesar de não ser mais praticada, a pintura dos postes deve voltar à discussão no Legislativo, já que o vereador Muri de Brigadeiro (PMN) protocolou projeto de lei que revê essa questão. Por enquanto, a matéria aguarda parecer da Secretaria Jurídica da Câmara.

Veja a relação dos novos pontos de fiscalização eletrônica
Número Local Velocidade Máx.
1 Av. Dr. Armando Pannunzio (C/B), nº 1800 60 km/h
2 Av. Dr. Gualberto Moreira (C/B), ao lado do nº 880 50 km/h
3 Av. Dr. Gualberto Moreira (B/C), ao lado do nº 881 50 km/h
4 Av. Dr. Ulysses Guimarães (B/C), nº 850 50 km/h
5 Av. Dr. Ulysses Guimarães (C/B), oposto ao nº 842 50 km/h
6 Av. Elias Maluf (C/B), nº 2050 50 km/h
7 Av. Eng. Carlos Reinaldo Mendes (B/C), oposto ao nº 576 60 km/h
8 Av. Eng. Carlos Reinaldo Mendes (C/B), nº 576 60 km/h
9 Av. Gal. Osório (C/B), nº 1430 60 km/h
10 Av. Itavuvu (C/B), nº 6050 60 km/h
11 Av. Itavuvu (B/C), oposto ao nº 6050 60 km/h
12 Av. Juvenal de Campos (B/C), próximo e oposto à Av. Pereira Inácio 70 km/h
13 Av. Juvenal de Campos (C/B), próximo à Av. Pereira Inácio 70 km/h
14 Av. Camilo Júlio (B/C), nº 2511 60 km/h
15 Av. Tadao Yoshida (B/C), próximo à ponte Eng. José N.C. do Val 60 km/h
16 Av. Tadao Yoshida (C/B), próximo à ponte Eng. José N.C. do Val 60 km/h
17 Av. Victor Andrews (B/C), nº 540 60 km/h
18 Av. Victor Andrews (C/B), oposto ao nº 540 60 km/h
19 Av. Victor Andrews (B/C), oposto ao nº 3861 60 km/h
20 Av. Victor Andrews (C/B), oposto ao nº 2550 60 km/h
21 Av. Vinícius de Moraes (B/C), oposto ao nº 39 50 km/h
22 Av. Vinícius de Moraes (C/B), nº 718 50 km/h
23 Estrada do Dinorah (B/C), oposto nº 418 60 km/h
24 Estrada do Dinorah (C/B), nº 125 60 km/h
25 Rua Dr. Luiz Mendes de Almeida (B/C), oposto nº 2634 60 km/h
26 Rua Dr. Luiz Mendes de Almeida (C/B), nº 2634 60 km/h
27 Rua João Ribeiro de Barros (B/C), nº 1019 50 km/h
28 Rua João Ribeiro de Barros (C/B), nº 1000 50 km/h
29 Rua José Joaquim de Lacerda (B/C), oposto ao nº 422 50 km/h
30 Rua Pedro Alvares Cabral, nº 590 50 km/h
Fernando Guimarães. Notícia publicada na edição de 20/02/15 do Jornal Cruzeiro do Sul, na página 004 do caderno A – o conteúdo da edição impressa na internet é atualizado diariamente após as 12h.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s