F1 GP de Mônaco, Lewis Hamilton vence, Daniel Ricciardo em 2º e Sergio Pérez em 3º

A chuva que caiu pela manhã em Mônaco e parou no meio da corrida transformou a 6ª etapa da Fórmula 1 em um jogo de xadrez a 300 km/h. Para vencer nas apertadas ruas do Principado em um asfalto que secava a cada volta, seria preciso achar o momento certo para as trocas de pneus. E foi com uma estratégia ousada que Lewis Hamilton partiu do 3º lugar no grid para entrar na briga pela vitória. Enquanto os concorrentes optaram por trocar os pneus de chuva pelos compostos intermediários na primeira parte da prova, o inglês da Mercedes preferiu se manter na pista o máximo possível e trocar direto para os de pista seca, economizando um pit stop.

Lewis Hamilton, Daniel Ricciardo e Sergio Pérez no pódio do GP de Mônaco (Foto: Getty Images)

Mas apesar do “pulo do gato”, o triunfo de Hamilton não seria possível não fosse um vacilo da RBR. Pole position, Daniel Ricciardo liderava a prova, mas em sua segunda parada nos boxes, os mecânicos austríacos não estavam prontos. O tempo perdido foi suficiente para o australiano voltar logo atrás de Hamilton . O piloto da RBR ainda tentou dar o bote, mas levou um “fechadão” do rival da Mercedes e não teve mais chances. Após a corrida, o famoso sorriso largo de Ricciardo deu lugar a uma inédita cara amarrada de insatisfação com o erro do time. Semblante que contrastava com a felicidade de Sergio Pérez, que surpreendentemente fechou o pódio após largar em oitavo com a Force India. Foi a 44ª vitória de Hamilton, dono do carro 44, na carreira. É a segunda vez que o britânico vence no Principado.

Lewis Hamilton fechou a porta de Daniel Ricciardo no GP de Mônaco (Foto: Reuters)

Partindo da 14ª posição, Felipe Massa conseguiu seu objetivo de marcar pontos. O brasileiro acertou ao colocar pneus de pista seca mais cedo, ganhou diversas posições e fechou a zona de pontuação em décimo, deixando para trás o parceiro de Williams, Valtteri Bottas, que optou por três pit stops. Já o duelo de Felipe Nasr com o companheiro de Sauber, Marcus Ericsson, virou briga dentro da pista. Na metade final da corrida, o jovem brasileiro recusou a orientação da equipe de dar passagem para o sueco. Ericsson, então, forçou a ultrapassagem e os dois acabaram batendo e abandonando logo depois. Após a prova, o sueco assumiu o erro e pediu desculpas.

Assista a largada com chuva A Rede Globo TV

Assista Palmer sofre com a pista molhada A Rede Globo TV

Assista a ultrapassagem de Hamilton A Rede Globo TV

Assista Hamilton vence A Rede Globo TV

Assista aos melhores momentos da prova A Rede Globo TV

Resultado GP de Mônaco (Foto: Divulgação)Resultado GP de Mônaco (Foto: Divulgação)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s