F1 GP da Austrália, pole position Lewis Hamilton

Curva número 1 do Circuito Albert Park, a 200 metros apenas da largada. São boas as chances de o vencedor do GP da Austrália, etapa de abertura do campeonato, ser o piloto que sair da curva 1 na primeira colocação e ileso, sem um toque no seu carro. A posição da pole position estará ocupada às 2 horas, horário da largada em Brasília, por Lewis Hamilton, da Mercedes.

Tudo ou nada: Vettel e Raikkonen jogam sua sorte na largada do GP da Austrália

Mas ao seu lado, na primeira fila, vai estar Sebastian Vettel, da Ferrari. O alemão nem sempre demonstra grande controle emocional quando está atrás. Costuma assumir riscos elevados, não hesitando em tornar as coisas difíceis até para o seu companheiro, Kimi Raikkonen, quarto no grid. Vettel tem consciência de que para ganhar em Melbourne será muito importante tentar ultrapassar Hamilton na primeira curva. É um consenso já na F1: as ultrapassagens durante as corridas serão bem difíceis.

Leve em consideração: este ano, dentre as muitas e profundas mudanças no regulamento está a necessidade de o piloto controlar sozinho a embreagem através de uma única alavanca atrás do volante. Na temporada passada, quando havia ainda algum automatismo, esse foi o calcanhar de Aquiles de Hamilton, com erros comprometedores na largada do Gps de Bahrein, Itália e Japão.

Vettel obviamente sabe disso. Mas a nova regra da embreagem representou uma oportunidade para a Mercedes rever o seu sistema. “Trabalhamos duro nesse inverno para resolver os problemas que tínhamos. E eu também treinei bastante as largadas”, afirmou Hamilton.

Vettel lembra que em 2016 ele e Raikkonen, terceiro e quarto no grid, ultrapassaram Hamilton e Nico Rosberg, primeiro e segundo na largada. Em geral, a Ferrari largou melhor que a Mercedes no ano passado. Na bandeirada, mesmo perdendo as posições para os pilotos da Ferrari, Rosberg venceu e Hamilton ficou em segundo. Vettel foi terceiro e Raikkonen abandonou com problema no turbo.

Lewis Hamilton e Valtteri Bottas , Fórmula 1, Mercedes (Foto: Reprodução)

Valtteri Bottas, autor do terceiro tempo na sessão que definiu o grid neste sábado, confirmou a impressão generalizada depois do que viu nos treinos livres no Circuito Albert Park: “Será muito, muito difícil ultrapassar”, aumentando ainda mais a tensão das manobras depois da largada.

Max Verstappen, da RBR, quinto, foi além: “As corridas serão chatas”. Daniel Ricciardo, também da RBB, errou, bateu e larga em décimo.

Bottas lembrou também: “Eu e Lewis estamos do lado limpo da pista.” Vettel, posição par, larga da parte onde os carros não passam nos treinos e há menos borracha, portanto menos aderente. Mas esse é um fator potencialmente capaz de colaborar para um boa largada, mas não é comum ser decisivo.

Assista aos melhores momentos do treino  A Rede Globo TV

Estratégia previsível
A importância de contornar na frente a curva número 1 se deve, também, à estratégia simplificada, quase óbvia, que a maioria deverá adotar para as 58 voltas da corrida. O desgaste dos pneus no asfalto liso do traçado australiano é bem pequeno.

A Pirelli distribuiu em Melbourne os seus pneus mais macios: ultramacios, supermacios e macios. Mesmo assim a degradação verificada foi bem pequena. Nas simulações de corrida, ficou evidente ser possível disputar a prova com apenas um pit stop. Por exemplo: os dez primeiros no grid começam a disputa com os pneus ultramacios, usados no Q2, a segunda parte da classificação. Para os demais a escolha é livre.

Segundo estudo da própria Pirelli, desenvolvido a partir dos dados colhidos nos carros das dez equipes, a estratégia mais eficiente, dentre os que largam com os ultramacios, é mantê-los até a 22ª volta, pois a temperatura esperada é a mesma deste sábado, 29 graus, ambiente, e 35, asfalto, fazer o pit stop, instalar pneus supermacios e seguir com eles até a bandeirada, 36 voltas depois.

Globo Esporte

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s