Arquivo da categoria: Acontece

Correios anunciam que e-Sedex será encerrado de vez na segunda 19/6/17

Não anda fácil a vida do consumidor que escolher fazer as suas compras através de lojas online no Brasil. Além de ter que lidar com as eventuais greves e aumento de preços no serviço postal, agora vai ser preciso recorrer a outras soluções para garantir que a sua encomenda chegue em casa. Isso porque, na última quarta-feira (14/6/17), às vésperas do feriado, os Correios decidiram encerrar oficialmente a modalidade e-Sedex em todo o país.

De acordo com um documento divulgado pelo site e-Commerce Brasil, o órgão enviou um comunicado a todas as suas agências para que o serviço fosse descontinuado a partir da próxima segunda-feira (19/6/17). Na prática, isso faz com que o serviço dedicado especificamente ao comércio eletrônico brasileiro não aceite nenhum envio desse tipo a partir da data marcada, finalizando também qualquer contrato desse tipo feito com lojas nacionais e fechando as portas para que esses acordos sejam renovados.

Isso não é exatamente uma surpresa para quem acompanha essa novela desde o início. Em novembro de 2016 os Correios já haviam anunciado que o e-Sedex seria finalizado, mas uma ação movida pela Associação Brasileira de Franquias Postais (Abrapost) acabou postergando esse término e obrigando judicialmente a ECT a continuar prestando esse serviço. Na época, os Correios alegavam que a extinção da modalidade era uma forma de conter a crise e reduzir custo internos de operação, visto que o e-Sedex trabalhava com logística de Sedex e preço de encomendas comuns – com maior prazo.

Com a mudança em definitivo, é claro que haverá um impacto nas operações do e-commerce brasileiro como um todo, já que muitas das lojas virtuais tinham a modalidade como uma de suas principais e mais econômicas formas de envio de produtos. Enquanto muitas das grandes grifes do comércio eletrônico nacional já se preparavam para isso desde o ano passado e firmaram parcerias com transportadoras e outros serviços de entrega, o restante das marcas vai precisar optar rapidamente por Sedex ou PAC para pedidos a serem enviado a partir do próximo dia 19/6/17.

Seja como for, é certo que a medida vai ser sentida no seu bolso, já que o repasse desse tipo de mudança logística é quase sempre repassado para o consumidor final. Confira abaixo o texto enviado pelos Correios para que seus funcionários comuniquem a decisão aos clientes, leia neste link o comunicado completo do órgão às agências.

“Prezado cliente,

Em virtude da aprovação da nova Política Comercial pelo Conselho de Administração dos Correios, informamos que o serviço e-SEDEX será descontinuado a partir de 19/06/2017. Portanto, todas as postagens deverão ser realizadas nos códigos de SEDEX ou PAC ativos no contrato.

Acrescentamos que as pré-listas de postagem (PLP) e e-tickets (autorizações de postagem para logística reversa) geradas e não utilizadas até o dia 18/06/2017 terão os códigos de e-SEDEX substituídos pelo código SEDEX. Caso não seja do seu interesse a postagem com SEDEX, será necessário gerar nova PLP ou autorização de postagem com código de serviço PAC.

TecMundo-Tânia Rêgo/ Agência Brasil

Hospital do Servidor SP, Governador Geraldo Alckmin inaugura maior centro do país dedicado à saúde do idoso

O governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o superintendente do Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe), Latif Abrão Jr., inauguraram nesta sexta-feira, 9 de junho, o Centro Integralidade, maior centro dedicado à saúde do idoso.

Alckmin palco

O espaço possui área total de 5,5 mil m² dedicados inteiramente à prevenção e promoção da saúde do idoso no Hospital do Servidor  Público Estadual (HSPE). O local conta com estúdio de pilates, piscina para hidroterapia, serviço de reabilitação virtual e tudo que há de mais moderno para as reabilitações ortopédicas do assoalho pélvico e neurológico.

Para o superintendente do Iamspe, Latif Abrão Jr., a nova estrutura permite investir mais na assistência. “No Centro Integralidade serão desenvolvidas atividades multiprofissionais, visando não só a recuperação da saúde do idoso, mas também a promoção do envelhecimento ativo.”

O prédio é um dos maiores centros dedicados aos idosos do país e já comporta Fisioterapia, Terapia Ocupacional Física e Neurológica, Medicina do Esporte e o Programa de Atenção ao Idoso (PAI).

“O Centro Integralidade faz parte de um modelo assistencial implantado a partir do Plano de Modernização do Iamspe (PMI), que definiu como orientação clínica a assistência integral ao idoso”, finaliza o superintendente.

Reforma e modernização do HSPE

O Centro Integralidade faz parte do projeto de reforma e modernização do HSPE que começou em 2013 e terminou em dezembro de 2016. O investimento foi de R$ 188,5 milhões do Governo do Estado de São Paulo.

Foram entregues o novo pronto-socorro (em operação desde maio de 2014), o Centro de Quimioterapia (agosto de 2014), o Centro de Diagnóstico por Imagem (junho de 2015), o Prédio de Utilidades que concentra toda a infraestrutura de água, luz, geradores, gases, etc. (agosto de 2016).

Em dezembro de 2016, foram terminados o Bloco C, com 15 andares para internações, UTI, Semi-intensiva (318 leitos) e centro cirúrgico com dez salas; a torre de elevadores para atender a esta unidade, além do Centro Integralidade.

Referência no atendimento ao público idoso, que representa 60% dos pacientes internados, o HSPE conquistou em 2015 o Selo Inicial “Hospital Amigo do Idoso”, do Governo do Estado de São Paulo.

Alckmin placas

O Iamspe

O Iamspe é um sistema de saúde que atende 1,3 milhão de funcionários públicos do Estado de São Paulo.

Os usuários utilizam uma rede de atendimento com mais de 87 hospitais e 75 serviços laboratoriais e de imagem em 178 municípios, a região metropolitana de Sorocaba aguarda convênio com Hospital com especialidades médicas e laboratoriais para atendimento aos usuários do IAMSPE.

Além da rede, oferece 17 postos de atendimento próprios no interior, os Ceamas, e o Hospital do Servidor Público Estadual, na capital.

O Instituto é um órgão do Governo do Estado de São Paulo, vinculado à Secretaria de Planejamento e Gestão.

O primeiro Telefone Celular foi inventado por Martin Cooper em 1967

O primeiro Telefone Celular foi inventado por Martin Cooper em 1967, funcionário da Motorola, em necessidades dos policiais de Chicago que usam rádios para se comunicar e ficava muito dentro do veículo, quando os policiais numa emergência tinha que se descolar até o carro e pediam muito tempo. Então Martin Cooper inventou um aparelho sem fio que foi muito útil para os policiais de Chicago, Estados Unidos, é um receptor com microfone fixado no ombro dos agentes e somente a unidade transmissora fixada no veículo. E com isso, os policiais se comunicavam com a central.

Então, a Motorola inspirada no sucesso desses aparelhos, resolveu também provar que era possível criar aparelhos móveis, em apenas seis semanas, Cooper e seus colegas desenvolveram o primeiro Telefone Celular. O primeiro aparelho surgiu em 03 de Abril de 1973, quando naquela época a Motorola era um empresa pequena era praticamente desconhecida. Esse aparelho que era pequeno, media 23 cm de comprimento e 13 cm de largura, com peso de até 2 kg, um verdadeiro tijolo. Sua autonomia era de 10 a 20 minutos para se comunicar.

O tamanho do aparelho que eram utilizados nos anos 80, era o primeiro telefône portátil totalmente miniaturizado, comparado com os rádios de comunicação moóvel do tamanho de malas. Depois de 10 anos, foi aperfeiçoada a primeira rede de telefonia celular para entrar em funcionamento nos Estados Unidos em 1983. Anos depois, o Mundo iria perceber as vantagens deste sistema de comunicação, o aparelho a ser apelidado de Celular que hoje faz parte do nosso cotidiano.

 

Vacina contra a gripe será liberada para todos a partir de segunda-feira

O ministro da Saúde Ricardo Barros anunciou  que, a partir de segunda-feira (05/06/2017), a vacina contra a gripe será liberada para toda a população e não só para grupos prioritários. Mas isso somente enquanto tiver estoque disponível. Mesmo com a recomendação, por parte do Ministério da Saúde, de ampliar a aplicação das doses remanescentes da vacina contra a gripe a toda população, a Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo decidiu por manter a imunização apenas para os grupos prioritários. Aquelas pessoas que procuraram os postos de vacinação, voltaram para casa esperando que um dia termine esse jogo de ” aqui quem manda sou eu”.

F.L.Piton / A CIDADE

A campanha nacional de vacinação contra a gripe segue até a próxima sexta-feira (09/06/2017), e não será mais prorrogada, segundo o ministro.

Ainda de acordo com o ministro, das 60 milhões de dose adquiridas ainda restam 10 milhões em todo o país. O objetivo da liberação da imunização para toda a população é que não ocorra desperdício das doses já adquiridas. “O que nós desejamos é que vacina não se perca por decurso do prazo”, afirmou.

A vacina oferecida na rede pública protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul, de acordo com determinação da OMS (Organização Mundial da Saúde). Os subtipos são variações do vírus A (H1N1), A (H3N2) e gripe B. A vacina precisa ser tomada todos os anos, já que os subtipos do vírus variam de ano a ano.

A transmissão da gripe acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas por pessoas contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também pode ocorrer por meio das mãos e objetos contaminados.